Sobre o Cancro Colorretal

O que está na origem do cancro do cólon e reto?
Esta doença não começa quando o cancro aparece; esta doença começa com uma célula que inicialmente perde a capacidade de morrer de forma programada e, depois, começa a crescer e a multiplicar-se sem controlo. Os factores determinantes nas alterações da vida desta célula não são completamente conhecidos. O que nós sabemos é que estas alterações vão dar origem a pólipos precursores do cancro do intestino, designados por adenomas. Sabemos, ainda, que apenas 10% destes adenomas se transformam em cancro, mas mais de 90% dos cancros do intestino têm origem nos adenomas. Esta sequência adenoma-cancro, aceite na história natural do cancro do cólon e reto, tem uma duração de 10 anos e é influenciada por vários factores. Muitos destes factores foram já identificados (genética, actividade física, dieta, tabaco, alguns medicamentos, obesidade, diabetes, hipertensão arterial, colesterol elevado) mas a sua importância ainda não foi quantificada.
Quais são os sintomas ou queixas que poderão estar relacionados com o cancro do cólon e reto?
Quando tiver algum destes sintomas e/ou sinais, quais são os exames que poderão esclarecer a situação?
O que é uma colonoscopia? E qual a sua importância?

© 2018 SPED. Todos os direitos Reservados. MediaPrimer